Busca livre
Busca simples
Título
Autor
Ano
Busca avançada

A BIBLIOTECA DIGITAL DE OBRAS RARAS E ESPECIAIS

A Biblioteca Digital de Obras Raras e Especiais, inaugurada em 29 de outubro de 2003, foi criada com o objetivo de divulgar e facilitar o acesso ao conteúdo de um grande número de livros raros ou com características especiais existentes nas diversas bibliotecas da Universidade de São Paulo. Este acervo caracteriza-se pela presença de um núcleo com 1224 títulos dos Séculos XV, XVI e XVII, além de vastas coleções dos Séculos XVIII, XIX e XX, que contam com exemplares pertencentes a coleções de bibliófilos, bibliógrafos e colecionadores, doadas ou adquiridas pela Universidade. Critérios de antiguidade, estado de conservação, peculiaridades físicas ou de conteúdo, não permitem o acesso irrestrito de pesquisadores em geral ao acervo raro e especial.

No ano de 2001, o Governo Federal lançou o edital denominado Tecnologias para Desenvolvimento e Pesquisa em Conteúdos Digitais e uma equipe composta pela Comissão Central de Informática (CCI) e pelo Sistema Integrado de Bibliotecas da USP (SIBi), liderada pelo Prof. Paulo César Masiero (ICMC-USP) submeteu o projeto de criação desta biblioteca, que recebeu o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e foi contemplado com R$ 100.000,00 (Processo CNPq 55.1717/01-3). Os recursos do CNPq foram usados exclusivamente para digitalização dos 38 livros selecionados, num total de 20.300 páginas digitalizadas. Os demais livros, num total de 1224 títulos (1983 volumes), 236 tiveram apenas as capas disponibilizadas eletronicamente. Em 2004, 4 novos livros digitalizados foram adicionados ao acervo inicial.

A mesma equipe que desenvolveu a Biblioteca Digital de Teses e Dissertações foi mobilizada para utilizar seus conhecimentos e adaptar aquele software para implantar esta nova Biblioteca Digital. O SIBi já possuía uma base de dados contendo as referências bibliográficas do acervo de obras raras e especiais da USP, que deu origem a duas publicações - Bibliotheca Universitatis: Livros Impressos dos Século XV, XVI e XVII do Acervo Bibliográfico da Universidade de São Paulo - e este repertório foi usado como base para a Biblioteca Digital de Obras Raras e Especiais. Dentre esses livros e outros publicados em períodos mais recentes foram priorizados, em trabalho coordenado pela Profa. Laura de Mello e Souza (FFCLH-USP), 38 livros, os quais foram digitalizados nesta primeira etapa do projeto.

A equipe que liderou a criação desta biblioteca tem a expectativa de que este núcleo inicial da Biblioteca Digital de Obras Raras e Especiais seja expandido futuramente com a digitalização de outras obras do acervo da USP, garantindo o acesso de estudiosos e leigos a um patrimônio cultural de inegável valor para o desenvolvimento de pesquisas e de intercâmbio de informações entre especialistas e a comunidade em geral. Para isso deverão ser submetidos novos projetos a órgãos de fomento nacionais e buscados recursos sob a forma de doações e patrocínios culturais. Pessoas e empresas interessadas em contribuir com este projeto poderão entrar em contato com a Comissão Coordenadora desta biblioteca clicando em Dúvidas e Comentários ou então na página de Doações. É possível também participar do Programa Parceiros da Biblioteca através da campanha Adote um livro.